• T-
  • T
  • T+
CÓDIGO SINDICAL: 565.000.02779-7
Filiado à CUT Contracts

PED: FEE é proibida de participar da divulgação

Os pesquisadores da Fundação de Economia e Estatística (FEE) foram proibidos pela direção da entidade de participar da divulgação da Pesquisa de Emprego e Desemprego na Região Metropolitana de Porto Alegre (PED-RMPA) que aconteceu nesta quarta-feira (18/04), na sede do SEMAPI, na capital. Embora tenham produzido as informações, os servidores não puderam explicar os dados, rotineiramente apresentados na sede da Fundação.

De acordo com Lúcia Garcia, economista do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) e coordenadora nacional do Sistema PED, muitos estudos deixarão de ser feitos por conta do fim da PED, anunciado pelo governo do Estado. "As pesquisas até poderão ser realizadas, mas com dados superficiais, sem o detalhamento que a FEE traz hoje." Para Lúcia, é necessária uma forte reflexão sobre o funcionalismo no Estado e a forma como a pesquisa e os trabalhadores são tratados pelo governo, que impede o servidor de realizar suas funções, chegando às raias da coação.

Na realidade, o discurso do governo Sartori não corresponde com a prática, pois o próprio Executivo já se manifestou admitindo que suspenderia as extinções, assim como declarou à imprensa que todas as atividades das Fundações estavam mantidas. É inadmissível que um governo acabe com as pesquisas que norteiam ações de Estado tão importantes para a população.

Informe Emprego Doméstico
 
De acordo com o Informe Emprego Doméstico na Região Metropolitana de Porto Alegre, apresentado nesta quarta, em 2017, o mercado de trabalho regional apresentou comportamento adverso: nível ocupacional em queda, taxa de desemprego com nova elevação, e rendimento médio real de ocupados e assalariados com trajetória de redução já observada nos dois anos anteriores. Diante desse cenário, observou-se mais um aumento no número de trabalhadoras domésticas na RMPA, confirmando a reversão da tendência de declínio observada entre 2008 e 2014. Nesse contexto, destaca-se a importância da PEC das domésticas, que, a partir de 2015, estendeu ao grupo a maioria dos direitos previstos a trabalhadores registrados com carteira de trabalho assinada, como a jornada máxima semanal, o direito a horas extras e segurança do trabalho, FGTS obrigatório e seguro desemprego.
 
Acesse a pesquisa completa AQUI.
 
PED

O Informe PED-RMPA é uma publicação mensal, com informações e análises sobre o mercado de trabalho na Região Metropolitana de Porto Alegre, destacando-se o desemprego, o nível de ocupação e o de rendimentos. Os dados da Pesquisa compõem uma série, com início em junho de 1992. A pesquisa PED-RMPA é executada pela FEE, em convênio com FGTAS, PMPA, SEADE, DIEESE e apoio financeiro do MTE/FAT.
Voltar
  • SEMAPI-RS
  • 0800 5174 06
    (51) 3287 7500
    (54) 3039 3033 (Caxias do Sul)
  • ouvidoriasemapi@gmail.com
  • Rua General Lima e Silva, 280 / Porto Alegre - RS - CEP: 90050-100
    Rua Pinheiro Machado, 1652 / 1º andar / Centro / Caxias do Sul
  • Newsletter