• T-
  • T
  • T+
CÓDIGO SINDICAL: 565.000.02779-7
Filiado à CUT Contracts

UERGS pode perder R$13 milhões por negligência do governo Sartori

Na quinta-feira (12/04), um grupo de defensores da Universidade Estadual do RS (UERGS) esteve reunido com o secretário-adjunto da Casa Civil, João Carlos Mocellin, reivindicando urgência na definição da contrapartida do Estado para que a Universidade não perca uma verba de R$ 13 milhões. Entre os participantes, além de deputados de esquerda, representantes de SEMAPI, SINPRO, DCE, UNE, Reitora, Vice-Reitora, Diretores Regionais, alunos, professores e funcionários.
 
A verba requerida é destinada à Instituição por emenda do senador Paulo Paim (PT/RS) ao Orçamento da União. O valor – já disponível – é destinado à construção do Campus Central da Universidade, e pode ser utilizado ainda para a aquisição de equipamentos, acervos bibliográficos, materiais de consumo e suplementação do orçamento da Universidade (no valor de R$ 200 mil) para atender à oferta de bolsas estudantis nos programas Prodiscência (Programa de Bolsas de Permanência Discente), Bolsas de Monitoria, Bolsas de Extensão e Bolsas de Pesquisa. Além disso, a verba ajudaria na contratação de professores e funcionários via concurso público, com chamamento imediato de 86 docentes aprovados, ajustando o quadro de funcionários às necessidades da instituição. Entretanto, para acessar o dinheiro, o Estado precisa dar uma contrapartida de R$ 800 mil, o que não está garantido.
 
O deputado Luiz Fernando Mainardi (PT), que sugeriu e coordenou a visita da comitiva, diz que é difícil acreditar que o governo aja como se esse valor não fizesse qualquer diferença. "Sabemos que o Estado tem dificuldades financeiras, mas perder esses R$ 13 milhões é irracional. Pelos nossos cálculos, a aplicação dos R$ 800 mil da contrapartida poderá gerar três vezes mais em arrecadação de ICMS", defendeu.
 
Por sugestão do deputado Tarcísio Zimmermann (PT), o governo do Estado deve se reunir com a comitiva na semana do dia 23 de abril. O secretário Mocelin concordou com a proposta, afirmando que acessará a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sdect), à qual a UERGS está vinculada, na busca de uma solução às demandas.


Com informações da Assembleia Legislativa
Foto do deputado Altemir Tortelli
 
Voltar
  • SEMAPI-RS
  • 0800 5174 06
    (51) 3287 7500
  • ouvidoriasemapi@gmail.com
  • Travessa Alexandrino de Alencar, 83, bairro Azenha - Porto Alegre/RS
  • Newsletter